DEPARTAMENTO DE SAÚDE ESCOLAR

Mononucleose infecciosa

  • Agente causador

Infecção viral causada pelo vírus Epstein-Barr (EBV). Quadros muito semelhantes à mononucleose (síndromes mononucleose-símile) podem ser causados por outros vírus (por exemplo: citomegalovírus).

  • Sintomas

A infecção pode ocorrer sem a presença de sintomas ou causar sintomas leves ou inespecíficos, que não permitem diferenciar essa doença de outras doenças virais comuns na infância. Segundo a Academia Americana de Pediatria “a infecção é muitas vezes irreconhecível em crianças”.

Os sinais e sintomas mais comumente associados à doença são: febre (algumas vezes prolongada), faringo-tonsilite (inflamação da faringe e amígdalas) e aumento do tamanho de linfonodos (gânglios). Em alguns casos pode ocorrer erupção de pele e aumento do tamanho do baço e/ou do fígado. Os sintomas da mononucleose habitualmente desaparecem em 1 a 2 semanas.

Adultos e adolescentes costumam apresentar sintomas mais evidentes.

Exames laboratoriais podem ser necessários para o diagnóstico, entretanto, não estão indicados em crianças com infecções virais ou tonsilite (amigdalite) com boa evolução.

  • Incidência

A doença ocorre no mundo todo e a maioria das pessoas se contamina com o vírus durante algum momento da vida.

Aproximadamente 50% das crianças até 5 anos de idade já apresentou essa infecção, habitualmente sem sintomas. Calcula-se que aos 40 anos de idade 95% das pessoas demonstram, através de exames, terem tido a infecção (CDC, FDA). 

  • Transmissão

Após a infecção, as pessoas permanecem, por toda a vida, com o vírus de forma latente (“dormente”) no organismo e, periodicamente, sem desenvolver novamente a infecção, podem transmitir o vírus, através de contato íntimo com a saliva, para seus contatos mais próximos. Devido à reativação periódica do vírus, o período de contágio é indeterminado. Além disso, é comum que algumas pessoas (portadores assintomáticos) possam estar eliminando o vírus sem sequer ter apresentado os sintomas da doença (AAP, CDC, FDA).

As pessoas que já foram previamente expostas ao vírus não apresentam risco de desenvolver os sintomas da doença a cada novo contato com o EBV.

Habitualmente não ocorre a disseminação do vírus pelo ar (CDC).

Em resumo, muitas pessoas sadias são portadoras e disseminam o vírus periodicamente durante toda a vida. Por esse motivo, é quase impossível prevenir a transmissão do vírus. Mas, a despeito disso, surtos de mononucleose infecciosa são extremamente raros (CDC).

  • Complicações

Complicações da doença são raras (CDC).

O paciente que apresente aumento do baço deve ser afastado das atividades físicas para prevenir traumas na região abdominal e possível lesão desse órgão. O tempo de afastamento é definido pelo médico que acompanha o caso.

Não existem associações conhecidas entre a infecção pelo EBV na gestação e problemas com o feto.

  • Tratamento

Não existe tratamento específico para essa enfermidade, sendo prescritos medicamentos somente para o alívio de eventuais sintomas ou para controle de eventuais complicações.

  • Medidas de controle

Independente de ter ocorrido ou não algum caso próximo, o uso de medidas básicas de higiene, incluindo a lavagem das mãos e evitar o contato com a saliva de outras pessoas, ajuda a prevenir a disseminação desta e de outras doenças.

O diagnóstico de mononucleose não é motivo para isolamento do paciente (FDA), uma vez que pessoas sadias têm o vírus na saliva e essas pessoas são habitualmente as fontes de transmissão de pessoa a pessoa (CDC).

O afastamento da escola é necessário somente nos casos em que repouso tenha sido indicado pelo médico. Até o momento, não existe vacina para prevenir a mononucleose.

Fontes

  • AAP – American Academy of Pediatrics. Infecção pelo EBV. Red Book: 2003 Report of the Committee on Infectious Disease. 26a ed. El Grove Village, IL. Pag.692-4.
  • CDC – CENTERS FOR DISEASE CONTROL. Epstein-Barr Virus and Infectious Mononucleosis – Disease information. Disponível em . Acesso em 17/08/05.
  • FDA – FOOD AND DRUG ADMINISTRATION. Mononucleosis. FDA Consumer Magazine March 1998 Issue. Disponível em . Acesso em 17/08/05.

Comente esta notícia:

Fechar [ x ]






Envie esta notícia para um amigo:

Fechar [ x ]











Unidades: Encontre ao lado a unidade Bom Jesus mais próxima de você: